Cirurgias Mistas ou Combinadas

Cirurgia da Obesidade - Brasília-DF

Técnicas mistas

E-mail Imprimir


Existem três formas básicas de tratamento cirúrgico:

  • Através das técnicas restritivas
  • Das técnicas disabsortivas
  • Técnicas mistas.

Técnicas mistas

São técnicas que associam um pouco de restrição a ingesta do bolo alimentar com um pouco de disabsorção, ou seja, um desvio intestinal menor.

Atualmente a técnica mais utilizada chama-se by-pass gástrico com anel ou cirurgia de Fobi-Capella (cirurgiões que a inventaram).

Ela consiste em uma redução do estômago através de grampeamento.

O estômago é dividido em duas partes: uma menor (30ml) que será por onde o alimento irá transitar e outra maior que ficará isolada.

Este pequeno estômago é então ligado ao intestino para que o alimento possa seguir seu curso natural.

Todas as secreções do estômago separado serão levadas a uma nova costura do intestino feita adiante do intestino que é costurado no estômago.

Esta técnica além de limitar o volume do que entra também limita a velocidade de esvaziamento do estômago, pois é aplicada uma banda de contenção.

Outra técnica mista é o bypass gástrico sem banda ou cirurgia de Wittgrove, é muito semelhante à técnica de Fobi-Capella. A diferença básica é que ao invés de colocar um anel ao redor do "pequeno estômago”, o cirurgião faz uma costura apertada entre este último e o intestino.

É necessário abrir o abdome para realizar estas operações?

Não, atualmente cirurgias para obesidade são realizadas por videolaparoscopia. Ela é realizada através de 5  orifícios, pequenos cortes no abdômen.

As principais vantagens desta via de acesso são que:

(a) não há risco de desenvolver hérnia no corte cirúrgico;
(b) não há risco de complicações da incisão cirúrgica no pós-operatório como infecção ou seroma (quando gordura liquefeita se junta embaixo da pele sob o corte);
(c) esteticamente deixa menos cicatriz e
(d) o tempo de retorno às atividades é mais curto.

Somente em algumas situações especiais não é possível realizar a cirurgia por via laparoscópica, como em pessoas que foram submetidas às cirurgias abdominais prévias.

Algumas vezes durante a cirurgia laparoscópica surgem situações que exigem que o cirurgião converta a cirurgia para um procedimento aberto. Esta decisão é baseada em segurança e só pode ser feita durante o ato operatório.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica

 

IMC

Desculbra o seu IMC
Peso: kg
Altura: m cm
Tabela de consulta do IMC